(11) 3044-2557 | (11) 96012-2871 (WhatsApp) contato@pbsf.com.br

Tecnologia de monitoramento cerebral beneficia recém-nascidos no Distrito Federal:  Hospital Santa Luzia é o único da rede privada a implantar a telemedicina que salva vidas e evita sequelas neurológicas em bebês prematuros ou que tiveram problemas na hora do nascimento

 O Hospital Santa Luzia (HSL), da Rede D’Or São Luiz, dispõe de uma tecnologia inédita no Brasil, responsável por prevenir sequelas neurológicas em bebês recém-nascidos, que correm riscos de lesão cerebral devido à asfixia perinatal – falta de oxigenação no cérebro na hora do nascimento -, doenças graves, síndromes, ou devido à prematuridade.

Denominada Neuromonitorização Contínua, a técnica utiliza o Eletroencefalograma de Amplitude Integrada (aEEG) associado a imagens de vídeo, tudo de forma não invasiva. Ela é realizada à beira do leito e permite a monitorização cerebral de caráter contínuo, possibilitando a identificação, em tempo real, de crises convulsivas dentro da UTI Neonatal.

Com a UTI Neonatal Neurológica criada pela empresa PBSF (Protegendo Cérebros, Salvando Futuros – Protecting Brains & Saving Futures) é possível monitorar e cuidar de bebês com risco de crises convulsivas evitando, assim, lesões futuras que, caso o bebê não estivesse sendo monitorado, a olho nu, não poderiam ser vistas.

No Hospital Santa Luzia, a UTI Neonatal Neurológica já foi utilizada em 20 pacientes, dos quais seis deles (30%) apresentaram crises convulsivas sem nenhum sintoma clínico visível. Estas crises foram registradas pelo aparelho, analisadas pela equipe da PBSF e, assim, os bebês puderam receber o tratamento de forma precoce, com respostas efetivas.

Ainda associada à monitorização realizada pelo aEEG, O HSL conta ainda com o INVOS (oxímetro cerebral/somático) que é um monitor exclusivo para acompanhar a oxigenação de órgãos nobres. Assim, o cérebro, os rins e o intestino também são monitorados, complementando a avaliação usual dos dados vitais, possibilitando tomadas de decisão para que seja feito o melhor tratamento do recém-nascido, especialmente aqueles criticamente enfermos.

A Dra. Adriana Valença de Melo, Coordenadora Médica Unidade de Neonatologia, ressalta que a utilização das tecnologias tem possibilitado ao Serviço de Neonatologia do HSL oferecer um melhor atendimento. “Temos qualidade e efetividade, determinando melhores prognósticos aos recém-nascidos de alto risco atendidos em nossa unidade”, destaca.

Toda monitorização é analisada remotamente por uma equipe de neurologistas pediatras em São Paulo, 24 horas, para que, no momento em que ocorra qualquer alteração, seja feito contato com a equipe de Brasília.

x

10th McGill Neonatal Conference

MAY 26th and 27th | Register below!

    If you need further assistance, please do not hesitate to contact us at (514) 412-4452






    Occupation area?


    Would you like to receive newsletters from PBSF in the future?

    How did you know about this conference?

    Select option

    x

    10th McGill Neonatal Conference

    26 e 27 DE MAIO | Registre-se gratuitamente!




      ESTADO (selecione abaixo):


      Área de atuação?

      Sua profissão/Cargo?

      Como você ficou sabendo?

      Selecione opção

      Gostaria de receber notícias e atualizações sobre cursos no futuro?