(11) 3044-2557 contato@pbsf.com.br

Eletroecefalografia contínua em UTI

O Eletroencefalograma de Amplitude Integrada (aEEG) constitui em

um método de Monitorização Cerebral Contínua à beira do leito,

em tempo real, e de caráter não invasivo.

 

Fale conosco

Eletroecefalografia contínua em UTI (aEEG/EEG)


O Eletroencefalograma de Amplitude Integrada (aEEG) constitui em um método de Monitorização Cerebral Contínua à beira do leito, em tempo real, e de caráter não invasivo.

Estudos clínicos demonstram grande aplicabilidade clínica, permitindo avaliação prognóstica e neurológica de recém-nascidos com asfixia perinatal; avaliação de prematuros; e identificação de crises convulsivas. Estas são apenas algumas de suas utilidades.

Alterações visualizadas de forma dinâmica na atividade de base e atividade epiléptica estão relacionadas à função e injúria cerebral. Elas podem ser interpretadas em tempo real e permitem ações muito mais rápidas e assertivas em relação ao quadro clínico vigente.

A associação de 2 ou mais canais para monitoramento – vídeo-imagem e traçado do EEG bruto – aumentam a sensibilidade e especificidade do método para detecção de crises epilépticas.

A associação entre o uso de aEEG e EEG contínuo dentro da UTI é uma prática interessante na avaliação contínua de recém-nascidos com alto risco para injúria cerebral.

Conheça as nossas outras metodologias